WEB

BUSCA NO SITE

Edição Atual Edições Anteriores Adicione aos Favoritos Defina como página inicial

Indique para um amigo


O Evangelho com
busca aleatória

Biblioteca Virtual
 
Biografias
 
Filmes
Livros Espíritas em Português Libros Espíritas en Español  Spiritist Books in English    
Mensagens na voz
de Chico Xavier
Programação da
TV Espírita on-line
Rádio Espírita
On-line
Jornal
O Imortal
Estudos
Espíritas
Vocabulário
Espírita
Efemérides
do Espiritismo
Esperanto
sem mestre
Links de sites
Espíritas
Esclareça
suas dúvidas
Quem somos
Fale Conosco

 

Biblioteca Virtual

Para visualização da maioria dos livros é necessário o aplicativo Adobe Acrobat Reader. Caso não tenha, faça o download gratuito no link ao lado. Clique para baixar o programa
Em cumprimento a Lei 9.610 de 19/02/98 sobre direitos autorais, alguns dos livros são oferecidos para uso exclusivo de deficientes visuais. Contamos com sua compreensão e respeito.


 
 

Chico Xavier - Coleção Completa
Obras do nº 361 ao 37
0


MIGALHA

Espírito: Emmanuel
Livro - 361 / Ano - 1993 / Editora - UEM

 

Leitor Amigo
Não estranhes quanto ao tamanho mirim deste livro. Lembremo-nos de que a Migalha de pão é capaz de amparar o faminto e de que a gota minúscula de medicamento é suscetível de suprimir a dor desesperadora de um doente necessitado de urgente cirurgia. Aqui também, neste volume pequenino, é possível que encontres a chave de algum problema que até agora se te afigurou sem caminho ou sem solução.

Emmanuel
(
Uberaba, 27 de agosto de 1992)


A VOLTA
Espírito: Diversos
Livro - 362 / Ano - 1993 / Editora - IDE

Amigo Leitor 
Certamente, já viste estações de passageiros, quando se encontram de regresso ao lar.
Nos aeroportos, ante os aviões à vista, de volta ao ambiente doméstico, a face dos que esperam alguém se ilumina de alegria e esperança; mãos se agitam; pessoas gritam nomes de pessoas que desencarnam, calorosamente; carregadores passam à pressa, portando malas ou embrulhos de confecção perfeita.
Diálogos começam, ardorosos, para prosseguirem com detalhes dos assuntos em foco na intimidade familiar.
Nas estações rodoviárias, o alegre tumulto não é diferente, quando os companheiros queridos retornam, às vezes de muito longe, nos horários previstos para a chegada de ônibus ou de outros veículos; o espaço se povoa de sorrisos e de olhares expectantes na direção do ponto exato da aparição dos veículos aguardados.
Os carros que chegam despejam viajores exultantes que enlaçam os parentes ou amigos que se rejubilam com o reencontro dos entes amados com os quais partilham sincera amizade.
São as festas da volta.
Neste livro encontrarás o painel de consolo e felicidade daqueles que retornam da vida Maior para o contato e o reconforto das criaturas que ficaram no mundo físico, tantas vezes a chorar-lhes a ausência.
Talvez também já tiveste a despedida de alguma pessoa amada que te deixou o convívio para reencontrar outra vida em nível diferente. Não chores, nem desesperes. Esse afeto do qual te lembras com lágrimas voltou mais cedo à existência verdadeira.
Auxilia-o com a tua fé na imortalidade. Ele te auxiliará, junto de outros familiares que o aguardavam no Mais Além, integrando nova comunidade, dentro da qual se personaliza, encontrando novos motivos para entender a sublimidade da Misericórdia de Deus.
Age, serve, espera e confia. Em outros planos nos quais a existências se lhes renova, eles também te recordam com saudade e amor.
Qual ocorre neste livro, em que tantos seres queridos voltaram do Mundo Maior, para o encontro daqueles que os amaram reconfortando-lhes os corações, aqueles que amas e te amam, igualmente virão.

Emmanuel
(Uberaba, 18 de junho de 1993)


AS PALAVRAS CANTAM
Espírito: Carlos Augusto
Livro - 363 / Ano - 1993 / Editora - CEU

O alfabeto assemelhase a escala musical. Com as notas são compostas
múltiplas e belas melodias.
Assim também as palavras escritas criam romances, comunicados, poemas, 
versos e páginas imperecíveis que os próprios séculos conseguem destruir.
Os pensamentos escritos pelo amigo Carlos Augusto, Nobres poeta efilósofo 
do Plano Espiritual, criaram este livro que se constitui de lições eobservações 
que fazem das palavras verdadeiros cânticos de beleza ededuções imortais.

Emmanuel
(Uberaba, 18 de junho de 1993)


ESPERANÇA E LUZ
Espírito: Diversos
Livro - 364 / Ano - 1993 / Editora - CEU

A esperança é o estímulo com que a Divina Providência marcou o crescimento e a elevação da vida.
A luz do conhecimento é o poder da visão e ad análise com que todas as criaturas estão dotadas da faculdade de discernir.
A esperança é a força de compreender e desesperar.
A luz aclara os caminhos que devemos percorrer, a fim de que nosso livre arbítrio possa agir com a responsabilidade de nossas escolhas.
A própria Natureza nos propicia lições na área de nossas afirmativas.
A semente espera condições paragerminar e oferece-nos a planta da espécie em que se configura; o embrião nascente espera crescer, aspirando a ser tronco; o tronco verde aguarda a formação das frondes que lhe proporcionará a posição da árvore que deseja ser; e a árvore adulta mobiliza as suas energias para produzir o fruto, que após nascido se desenvolve e amadurece , espalhando as próprias sementes, doando gratuitamente  as possibilidades  do plantio de outras árvores iguais a ela para o enriquecimento da natureza.
Em síntese tão simples, temos uma noção de vida da criatura humana perante o mundo que lhe serve de temporária moradia e diante do próprio Universo.
Primeiramente o Espírito Humano se prende à vida  fetal; nasce nas condições em que se encontra  trazendo consigo as qualidades ou os defeitos que procurou adquirir nas existências passadas; no estágio da primeira infância, anseia crescer e senhorear  um corpo que lhe forneça oportunidade de expressar-se; chegado à meninice, quer a posse da juventude; atingindo a mocidade, sonha expandir as próprias tendências felizes ou infelizes.
Aproximando-se da maturidade, a criatura caminha sob os impulsos  da esperança, encontrando sempre, diante de si, o conhecimento ou luz do bem e do mal, com o ensejo de reconstituir-se nas disciplinas  e ensinamentos do bemou descambar para as complicações e despenhadeiros do mal. 
Entendemos, assim, facilmente que a personalidade humana vive sob o estímulo da esperança nas estradas do conhecimento que é luz a desvendar-lhe o caminho, aprendendo que, em verdade, conforme a promessa  das Revelações Divinas: “A cada um será dado segundo as próprias obras”.

Emmanuel
(Uberaba, 19 de março de 1993)


PREITO DE AMOR
Espírito: Diversos
Livro - 365 / Ano - 1993 / Editora -
GEEM

Leitor Amigo
Este livro é dedicado especialmente ao amor que consagramos a Jesus, o Nosso Divino Mestre e às nossas Mães na Terra, que se constituem no sustentáculo de nossas vidas.
Para a aceitação desta verdade, basta lê-lo e interpretá-lo com os nossos corações.

Emmanuel
(
Uberaba, 30 de dezembro de 1992)


ABENÇOA SEMPRE
Espírito: Diversos
Livro - 366 / Ano - 1993 / Editora - GEEM

Amigo Leitor
Entre os sofrimentos e atritos da Terra, sejamos nós a benção que alivia e consola.
Abençoa o homem rico - não lhe conheces as dívidas e as tribulações.
Abençoa o pobre - em muitas ocasiões ele traz o íntimo conflitado por revoltas ocultas.
Abençoa a tua família - muito embora, por vezes, teus pais e teus irmãos cultivem ideais diferentes dos teus.
Abençoa os felizes - ignoras quantas vezes aparentam alegria, conquanto carreguem o coração por vaso de dor.
Abençoa os infelizes - muitos deles permanecem encastelados na amargura por não aceitarem as provações que se lhes fazem necessárias.
Abençoa os jovens - às vezes, estão eles sob difíceis frustrações.
Abençoa a criança - desconheces o futuro que o mundo lhe reserva.
A experiência humana necessita muito mais daqueles que abençoam do que o azedume daqueles outros que a maldizem ou reprovam.
Surjam, em torno de ti, críticas ou sarcasmos, lamentações ou queixas, desequilíbrios ou acusações, blasfêmias ou desafios, guarda a paz contigo. 
E abençoa sempre.

Emmanuel
(Uberaba, 12 de março de 1993)


PÁSSAROS HUMANOS
Espírito: Diversos
Livro - 367 / Ano - 1994 / Editora - GEEM

Há quem diga que os poetas parecem aves humanas, singrando os céus do pensamento.
As suas idéias não só lhes definem os sentimentos, mas são reflexões e imagens que pairam muito alto, descerrando-nos as paisagens e caminhos, pelos mecanismos da inspiração.
Este livro é o repositório de belos conceitos que nos elevam ao Alto, sempre Mais Alto.
Admirando a sensibilidade e a beleza dos versos que enriquecem este volume, concordamos plenamente em que os poetas serão companheiros diferentes...
E convidamos você, leitor amigo, a usufruir os ensinamentos, a harmonia, a beleza e as ilações que emanam destas páginas que expressam os vôos sublimados destes pássaros humanos.

Emmanuel
(Uberaba, 2 de junho de 1993)


VIVEREMOS SEMPRE
Espírito: Diversos
Livro 368 / Ano - 1994 / Editora - IDEAL

Se choras a perda de entes queridos que te precederam na Grande Mudança; se te sentes à margem do desespero, perdendo a alegria de viver; se mergulhas o próprio coração no poço da amargura; se te acreditas de alma atirada a um rio de lágrimas; se a ausência das pessoas amadas te ensombra os horizontes do futuro; se te admites sem coragem para facear as dificuldades e provações do presente; se te acreditas sem força para suportar as obrigações que te ficaram nos lances da existência; se julgas que a vida termina em cinza a poeira...
Levanta o próprio espírito para a fé em Deus, abraça os deveres que te foram entregues pelos seres amados que partiram para o Grande Além, honrando-lhes a memória e continua trabalhando e servindo na certeza de que todos nós viveremos sempre...

Emmanuel
(Uberaba, 7 de setembro de 1981)


DÁDIVAS ESPIRITUAIS
Espírito: Diversos
Livro - 369 / Ano - 1994 / Editora - IDE

Recomendou-nos Jesus:
 “Quando fizerdes um festim, convidem para ele os pobres, os estropiados, os coxos e os cegos; e estareis felizes porque não terão meios para vá-lo retribuir; porque isso vos será retribuído na ressurreição dos justos.” - (São Lucas, cap. XIV, v. de 12 a 15).
E em verdade, a beneficência hoje é uma iniciativa mundial de socorro aos que trazem os estigmas da fome e do sofrimento físico.
Jesus, porém, não se esqueceu dos que choram espoliado e infeliz.
Foi Ele mesmo que incluiu no Sermão da Montanha a promessa aos desventurados:
- “Bem-aventurados os que choram porque serão consolados” - (São Mateus, cap. V, v.4).
Entre os aflitos, no entanto, registramos sobretudo, os corações sensíveis que perderam entes queridos, que lhes deixaram o convívio pelos impeditivos da transferência desses mesmos entes queridos, para a Vida Espiritual.
Cada mensagem dos comunicantes, assinalada neste volume, reconfortando os familiares que ficaram no mundo físico, equivale a valioso conjunto de refeições aos companheiros em penúria, que tantas vezes, contemplam inutilmente as vitrines de uma panificadora comum.
Este volume é especialmente dedicado aos irmãos que choram a ausência de seres amados que os precederam na Grande Mudança.
Pais desalentados; mães agoniadas pela saudade e pela dor; filhos desajustados pela falta dos genitores que os amavam e defendiam; jovens golpeados pela angústia, perante a ausência de criaturas queridas que os orientavam nos tulmutos da existência; viúvas que sofrem a separação dos companheiros dignos que lhes tutelavam a vida e viúvos que se sentem lesados nos mais íntimos sentimentos com a saudade das companheiras que os deixaram a sós nas dificuldades e vicissitudes do estágio terrestre, encontrarão nestas páginas a consolação e a fé na Imortalidade, capazes de lhes reconstruir a esperança e refazer as energias.
Agradecemos a Jesus, nosso Divino Mestre e Senhor, as dádivas espirituais deste livro, e que Ele, Nosso Amado Companheiro, nos inspire e abençoe.

Emmanuel
(Uberaba, 12 de setembro de 1993)


UNIÃO EM JESUS
Espírito: Emmanuel
Livro - 370 / Ano - 1994 / Editora - CEU

Prezado Leitor
Em matéria de fé, cremos, discutimos, pregamos, ensinamos, advertimos, confrontamos, estudamos, anotamos, titulamos, criticamos, julgamos, analisamos, apreciamos, imaginamos, polemizamos, criamos artigos de crença, mas, em verdade, somos informados e instruídos, no entanto, estamos conscientes com relação aos princípios e designações que assumimos?
Raros amigos poderão responder afirmativamente.
Este livro é dedicado à conscientização.
Para conscientizarmo-nos, porém, será preciso acompanhar Jesus, assimilando-lhes os ensinamentos.
Entendendo a complexidade da conscientização, acolhemo-nos, assim, às lições vivas do Divino Mestre e, respeitosamente, retiramos nossas elucidações de significativo trecho do Evangelho do Apóstolo João, quando o Senhor nos assevera, categórico, no versículo 12 do Capítulo n.º VI, do Evangelho do Apóstolo referido:
“Eu sou a luz do mundo; quem me segue não andará em trevas, mas, pelo contrário terá a luz da vida - João: Cap. VII - vers. 12”.
Todos os companheiros que integram este volume, de certo modo, em nossa companhia estão procurando seguir o Mestre Divino, tentando - todos nós - buscar o rumo da Espiritualidade Superior.
Falar em conscientização mais do que o Eterno Amigo seria para nós pretensão ou desperdício verbal.
Estudemos, trabalhemos, compreendamos e sirvamos, seguindo realmente os ensinos e exemplos do Cristo de Deus.
Conscientizemo-nos, pois.

Emmanuel
(
Uberaba, 15 de agosto de 1993)


Voltar à página anterior


O Consolador
 Revista Semanal de Divulgação Espírita